Petrobras anuncia nova etapa para venda de 4 refinarias

As refinarias estão dentro de um plano de vender ao todo oito ativos de refino, com o objetivo de levantar bilhões de dólares para a redução do endividamento da companhia

A Petrobras informou nesta sexta-feira o início da segunda fase dos processos de venda de ativos de refino e logística associada no país.

Essa fase inclui a venda da Refinaria Gabriel Passos (Regap), em Minas Gerais; Refinaria Isaac Sabbá (Reman), no Amazonas; Lubrificantes e Derivados de Petróleo do Nordeste (Lubnor), no Ceará; e Unidade de Industrialização do Xisto (Six) no Paraná.

Essas quatro refinarias estão dentro de um plano maior da empresa de vender ao todo oito ativos de refino, com o objetivo de levantar bilhões de dólares que deverão ser utilizados especialmente para a redução do endividamento, em linha com o plano de desinvestimento da estatal.

Na primeira fase do processo, a Petrobras incluiu as refinarias Abreu e Lima (Rnest), em Pernambuco; Landulpho Alves (Rlam), na Bahia; Presidente Getúlio Vargas (Repar) no Paraná; e Alberto Pasqualini (Refap), no Rio Grande do Sul.